Lima – city tour

Não foi a minha primeira vez em Lima, tampouco meu primeiro city-tour. Mas como estava acompanhada pela minha mãe e dois amigos, não os deixaria sozinhos – e não me incomodaria em nada em rever alguns pontos turísticos. Em outros destinos, prefiriria percorrer algumas atrações a pé, mas como tínhamos apenas um dia em Lima, não achei ruim a idéia do passeio – que geralmente dispenso.

Um city-tour com a Condor Travel custa 22 dólares (consulte seu agente de viagens) e inclui entradas em todas as atrações + transporte e guia. A duração é de uma manhã ou de uma tarde. Como havíamos chegado de madrugada, optamos pelo city tour pela parte da tarde.

O city-tour não era privativo, mas tivemos a grande sorte de fazê-lo em companhia de uma família brasileira muito divertida: os Pinto. É aí que a gente se sente em casa com o idioma pátrio e nosso humor jocoso. Nada como soltar um belo “úúúúúú 3 x 0!!” quando passamos pela Embaixada da Argentina que estava em nosso caminho para a Catedral de Lima.

Embaixada da Argentina

Tirei a foto de dentro do ônibus, logo, está torta e mal enquadrada: um prédio tão rosado como a tal casa lá em Buenos Aires.

Demoramos um tempinho para chegar pois, como vocês podem ver na foto, o trânsito no centro da cidade é tão bom como aqui em São Paulo:

Trânsito…

Ouch!

Então passamos pela Plaza San Martín, construída em memória ao libertador do Peru, Don José de San Martín. Reparem na estátua e vejam que a imagem foi tão heroicamente reconstruída que o cavalo está sobre uma pedra que imita neve.

Plaza San Martî

San Martín é o mesmíssimo San Martín libertador da Argentina e do Chile. E sim, era argentino, nascido em Yapeyú, na atual província de Corrientes. Ok, espero que ainda esteja acordado(a) pois sei que city-tours podem dar um soooono com taaanta informaçããão….

sm12.jpg

Tá?

Seguindo para a Plaza Mayor, onde entraríamos na magnífica Catedral de Lima (construída sobre um antigo templo inca dedicado ao deus Puma), passamos pelas lindas ruas limenãs e sua impressionante arquitetura colonial sapecada de balcones mouriscos.

Plaza Mayor

Plaza Mayor e Catedral vistas da rua da prefeitura.

peru_escuela.jpg

E o cotidiano limeño seguia…

A Catedral de Lima, em estilos que variam do barroco ao neoclássico, foi originalmente construída no século 16 e já passou por diversas reformas e alguns terremotos. A construção abriga uma belíssima coleção de arte sacra e vitrais coloridos desenhados para compensar a falta de luminosidade: Lima é constantemente coberta por uma neblina cinzenta. Motivo pelo qual muitas das fachadas da cidade são amarelas.

Cadetral de Lima

É, eu sei… a foto ficou um pouco torta.

Abaixo, algumas fotos que tirei do interior da catedral… Algumas pequenas capelas, inclusive uma onde estão abrigados os restos mortais de Pizarro.

peru_catint02.jpg peru_catint01.jpg

peru_catint03.jpg peru_catint04.jpg

Linda por dentro e por fora, também…

peru_catext01.jpg peru_catext02.jpg

Seguimos a pé até o Convento de San Francisco. Famoso por suas catacumbas, magnífica biblioteca e pinturas de Rubens e Van Dyck (que não podíamos fotografar).

peru_hastasanfrancisco.jpg peru_sanfrancisco.jpg

Caminhando até a Igreja e Convento passamos por uma simpática vendedora de rua e um cachorro preguiçoso. Na entrada, proteja-se dos pombos (muitos). Há muita gente jogando milho (maiz) e os bichos são grandes e gordos, praticamente um grande centro de cultivo de toxoplasmose.

Entramos:

peru_sanfrancisco01.jpg peru_sanfrancisco02.jpg

Visitamos a Igreja:

peru_sanfrancisco2.jpg

E começamos a descer até as catacumbas:

peru_sanfrancisco3.jpg

Alguém me explica que São Francisco é esse que carrega um crânio na mão? A estátua do santo já dá o clima do que está por vir: ossos de 25 mil pessoas expostos nas catacumbas. Bem, tem gosto pra tudo, né?

Achei uó. Especialmente porque, em um dos fossos, organizaram os crânios e ossos em forma de mandala. Ah, tenha a santa! Não é porque morreram há séculos ou porque eram o outcast da sociedade na época que vamos fazer desenhos com ossinhos! Uóóó.

peru_sanfrancisco_catacumba.jpg

Ai Allah!

Enfim saímos e precisei me distrair um pouco com o cotidiano da cidade para abstrair dessa bad trip total.

peru_cotidiano1.jpg

Que cousa.

peru_cotidiano2.jpg

Vai um sanduichinho de “poico”?

Então dirigimos em direção ao bairro de San Isidro em meio ao caótico trânsito limeño. E graças ele pudemos flanar um pouquinho enquanto a via seguia lá fora…

peru_cotidiano3.jpg

peru_cotidiano4.jpg

peru_catint05.jpg

Chegamos, então, até uma das muitas huacas de Lima, a Huaca Hallamarca (Pan de Azúcar), em Miraflores. “Marca”, em quechua, significa comarca. Logo, Huallamarca era o local dos Huallas. E adivinhem para que servia o local? Para enterrar mortos! E não é que minha mãe resolve cair bem em cima de um ossinho? Eca! A coitada lavou tanto a mão que quase tirou a pele.

Huallamarca

Há um pequeno museu no complexo. Além dos apetrechos arqueológicos usuais – caquinho de vaso, pedacinho de pedra pra bater e fazer ferramenta, flautinha e máscara…

huallamarca5.jpg

… Temos restos mortais que foram encontrados no local…

huallamarca3.jpg

… E uma múmia!

huallamarca4.jpg

Bem, tem gente que gosta, né? Saí rapidinho do museu porque essas coisas me dão um “nervoso” indescritível e olha só o que encontrei lá fora:

huallamarca6.jpg

Ok. Sou cachorreira, tenho 2 bitzinhos em casa e não posso ver bicho abandonado na rua. Achei muito mais interessante conhecer o Inti e o Urpi, dois cachorros que vivem em Huallamarca que são, digamos, diferentes:

Urpi

Urpi e sua social arcada dentária inferior…

Inti

E o simpático Inti. Preferi gastar meus 10 minutos no local ao lado deles do que ao lado de restos humanos.

huallamarca2.jpg

E depois de quase dois enfartos fulminantes em cada um dos sedentários acima (Henrique, Lucas, Kariníssima e Ana), chegamos (quase) lá em cima. Uhuuu!

Pobre dos sedentários que lá estavam e irritaram esse antipático quelônio:

huallamarca9.jpg

Ele não tinha gostado nada de nossa presença em seu ambiente e logo correu (é…) para atacar dois de nossos amigos.

huallamarca10.jpg

O bicho era realmente rápido, a foto não é montagem.

Saindo de Huallamarca, fomos até o ponto final de nosso city-tour: o Parque do Amor, no bairro de Miraflores. Inspirado em Gaudí, o parque é bonitinho e tem uma bela vista ao Oceano Pacífico:

parqueamor1.jpg

parqueamor2.jpg

E terminamos aqui o nosso city tour, estrategicamente bem localizados: próximos ao Parque Kennedy (Parque Central de Miraflores), Larcomar (shopping com excelentes cafés e restaurantes com vista fantástica para o Pacífico), você pode retornar ao seu hotel se estiver hospedado em Miraflores, jantar no Rosa Náutica ou mesmo fazer umas comprinhas na Feira de Artesanato da Avenida Petit Thouars ou mesmo na loja de departamentos Saga Falabella,  na Avenida Arequipa.

Fim de nossos serviços. :)

Anúncios

~ por libanesa em agosto 19, 2007.

21 Respostas to “Lima – city tour”

  1. Kariníssima, depois dessa foto (e do texto, é claro!) bati meu martelo: Lima! Lima! Lima! As fotos estão lindas – algumas, diga-se de passagem, hilárias, ainda mais com suas legendas! Poste o caminho das pedras quando puder, ok? Tô anotando tudim. bjs

  2. Obrigado pela visita.

    Tem lá um convite pra ti!

  3. Ah, e Karinissima, reformulei uma informação que dei lá no Riq…

    A Martinica sofreu, um pouco, com o Dean sim… 3 mortos!

    O Dean já passou por lá, e agora está longe (agora sim)

    A Martinica tá sim na zona do agrião. E pega umas cacetadas nesta época de furacões caribenhos…

  4. aaaah mo Deusu!!!

  5. Karinissima,

    Adorei as dicas de Lima!! Putz agora tenho mais uma cidade na listinha.

    Preciso de um ano viajando na América do Sul para passar por todas as indicações.

    Ah, te linkei lá no blog tbm!!!

    Bjo!

  6. Oba! Agora que me animei de vez.
    Porém, tô fora das catacumbas. O Cemitério da Recoleta me dá mal estar até hoje…

  7. Também decidi que vou pro Peru. Lima, Cuzco, Aguas Calientes e Puno. Já que você é expert em viagens, qual a melhor época? Estou anotando tudo!

    Bj!

  8. Oi Karinissima! Compartilho esse paixao por Peru…e mais ainda pelos pratos peruanos. To lendo tudo e mandando a uma amiga peruana que está descobrindo seu pais atraves dos olhos de uma brasileira…Estou indo a Sampa com meu hiper amigo peruano e logicamente que seria super poder te conhecer, já vi que voce trabalha em uma agencia de viagens e como to nesse ramo aqui na Espanha tambem seria legal trocar umas ideias contigo. A unica coisa certa que tenho sao os dias: de 31/08 – 03/09 estaremos em Sampa e quero levar Arturo pra tomar inka cola em SAMPA para ser documentado…entra em contacto quando quiser…Beijocas

  9. Mô, você não vai se arrepender. ;)

    Regina, estou te esperando. Recebeu meu e-mail? Beijos e te vejo por aqui. Qualquer coisa meu e-mail é karinabu@gmail.com besos :)

  10. Alexandre, acho que a melhor época é no outono ou primavera para não pegar calorão nem inverno daqueles (a não ser que você goste de frio). Mas evitaria os meses entre junho e setembro, pois Machu fica LO-TA-DA e é insuportável. Minha dica é que, ao visitar Machu, você pernoite em Aguas Calientes e suba pro sítio arqueológico beeem de manhã para evitar a multidão. Aí você curte Machu Picchu mais vazia e desce quando cansar. :) O trem CUZCO-ÁGUAS CALIENTES da Peru Rail, o Vistadome, é excelente e divertidíssimo.

    Volte ao meu blog no domingo, farei um post sobre Machu Picchu e o trem. ;)

    beijos

  11. Oi Kari, posso te chamar assim? Tudo bem?

    Adorei as fotos tambem, que legal, e os cachorrinhos então, ai coisa mais fofa, nhac! Adoro!!!!

    Deixo um beijinho…

    Pat

  12. Karinissima, estou adorando o seu blog, as fotos estão ótimas, estou anotando todas as dicas principalmente as gastronômicas, vou aguardar o seu post sobre Machu Picchu e peço permissão para abrir um link sobre este post no meu blog.

  13. Muuuito bacana, nunca tinha me deparado com fotos tão relax e dia-a-dia de Lima…e as construções são lindas, adorei!
    Na próxima vez no Peru vou programar uns dias em Lima, já que dá primeira vez eu entrei pela Bolívia.
    PS: também não sou fã de catacumbas e, apesar de gostar de castelos medievais, nunca mais entro em uma masmorra também :(

  14. E aí, Karina, como foi a viagem pra Martinica? E a passagem por Belém. Ddeu pra provar, pelo menos, o tacacá?

  15. Com certeza o que eu gostarei mais de Lima será apreciar o cotidiano limense, (é assim?)
    Porque o city tour em si…
    Eu teria apreciado mais a loja de materiais hidráulicos (veja que fina definição), os quelôniusrapidus e os vendedores de poico… pergunta, tem um bairro legal tipo Jardins, não tem? Miraflores? E na beira do mar, o que há além do super restaurante que vc postou anteriormente…

  16. Karina,

    Tenho um amigo vindo da Costa RIca passar 1 semana em Sampa. Depois ele segue pra Lima e vai ficar apenas 2 dias. Você acha que é pouco? Quais os MUST GOs que poderia indicar pra ele?
    Se puder me ajudar ia ser ó-t-e-m-o!

    Bjos

  17. Bom adorei a sua matéria, estou indo morar em Lima e pretendo conhecer os lugares por você mencionados aqui…

    Beijokassssssssss

  18. Gostei da reportagem.
    Quero uma dica…
    tenho dois dias,tirando a ida e volta….o que vc me sugere…estamos em cinco e somos bem animados!!!!

  19. Oi Kari,

    Acabei de conhecer seu Blog, muito legal e adorei isso tudo sobre Lima já que moro aqui há um ano…se vc for afim de corrigir, a Huaca de Huallamarca fica em San Isidro e a de Miraflores que é maior chama-se Pucclana. Nao consegui reconhecer na foto mas, pode ser que aquele cachorro preto dentuco seja um exemplar do famoso perro peruano que é um cachorro de raca super antiga…ele nao tem pelo algum, a pele é uma carapaca. Peru vale a pena conhecer, que bom que vc gostou e a comida é realmente deliciosa.
    Bjao

  20. Karinissima podes me dizer o nome do guia do seu tour::: meu email…mirnamiller@gmail.com…obrig..

  21. Show.. muito bem escrito de uma forma leve e simpática. Parabéns. Vou pra lá (Lima e Cusco) no dia 20/06/2014

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: